Obrigado por sua visita! Você já esteve aqui

BLOG ESPECIALIZADO EM RAP - É TUDO NOSSO

PROGRAMAÇÃO -- DOCTOR XIS -- RAP NACIONAL E INTERNACIONAL

TODOS OS DIAS --> das 10:30 as 02:00


para mandar uma mensagem, clique em EDIT NICKNAME para colocar seu nome

RADIO RAP BANCA ASSASSINA

acompanhe-nos :

Aramis: rap francês no Rio de Janeiro com participação de MCs brasileiros!

Aramis: rap francês no Rio de Janeiro com participação de MCs brasileiros!
recomendado pela banca assassina , confiram esse som!!!

RAP COLOMBIA - RECOMENDADO BANCA ASSASSINA

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

missy elliott - rap

Melissa Arnette Elliott, mais conhecida como Missy Elliott, (Portsmouth, 1 de julho de 1971) é uma rapper, MC, compositora e produtora musical de Portsmouth, Virgínia. Elliott era originalmente conhecida como Missy "Misdemeanor" Elliott e por vezes com somente um "t". Abandonou o "Misdemeanor" de seu nome artístico em 2003, sendo atualmente conhecida apenas por "Missy Elliott". Com vendas ultrapassando 24 milhões, Missy é atualmente a rapper feminina melhor sucedida de todos os tempos.

Elliott é conhecida por uma série de hits como "The Rain (Supa Dupa Fly)", "Hit 'Em Wit Da Hee", "Get Ur Freak On", "One Minute Man", "Work It" e "Lose Control". Recebeu reconhecimento como uma das mais bem sucedidas compositoras na música moderna, tento alçado hits para artistas como Melanie B, Fantasia, Aaliyah, 702, Nelly Furtado, Ciara, Nicole Wray e Tweet, frequentemente com a produção compartilhada pelo colega de infância Timbaland. Ela foi a quarta rapper a receber disco de platina pela RIAA, atrás de Lil' Kim, Foxy Brown e Da Brat; e é a única rapper a ter recebido seis álbuns de platina.
No final da década de 1980, Missy Elliott, LaShawn Shellman, Chonita Coleman e Radiah Scott formaram o grupo de R&B "Sista", em que Elliott era vocalista e compositora. Ela recrutou o amigo de infância/vizinhança Timothy Mosley como produtor da banda e começaram a gravar faixas demo. Em 1991, o Sista chamou atenção do produtor do Jodeci, DeVante Swing, por apresentar canções do grupo a cappella para ele nos camarins após um concerto de seu grupo. O Sista mudou-se para Nova Iorque e assinou com a Elektra Records através do selo de DeVante, Swing Mob. Elliott levou Mosley (que DeVante chamou Timbaland, nome artístico dele até hoje) e seu amido Melvin "Magoo" Barcliff.

Enquanto Elliot (na época creditada como Melissa Elliot) escreveu letras o primeiro compacto do álbum de estréia de Raven-Symoné, "That's What Little Girls are Made of", ela também contribuiu nas letras dos dois últimos álbuns do Jodeci: Diary of a Mad Band (1993) e The Show, The After Party, The Hotel (1995). Timbaland e DeVante produziram um LP do Sista, 4 All the Sistas Around the World, completado em 1994. Apesar do lançamento de videoclipes para versões original e remixada do compacto "Brand New", o álbum nunca foi lançado. Em 1995 a Swing Mob terminou e seus membros dispersaram; Elliott, Timbaland, Magoo, Ginuwine e Playa permaneceram juntos e colaboraram com os trabalhos dos outros pelo resto da década.

Após deixar o selo Swing Mob, Missy Elliott e Timbaland trabalharam juntos (ela compondo letras e ele produzindo melodias) para bandas como SWV ("Can We?") e 702 ("Steelo"), mas a artista mais notável foi Aaliyah. Elliott e Timbaland escreveram e produziram nove faixas do segundo álbum da cantora One in a Million (1996). Elliott também contribuiu com vocal de apoio e rap em todas as faixas no qual trabalharam. One in a Million recebeu disco duplo de platina e elevou a dupla de produção à media. Continuaram o trabalho também para outros artistas como Destiny's Child ("Get on the Bus", 1998) e o último sucesso de Aaliyah antes de sua morte em 2001, "I Care 4 U".

Elliott começou então uma carreira como vocalista convidada dos remixes de Sean Combs para "The Things That You Do" de Gina Thompson e para o compacto de 1996 de MC Lyte, "Cold Rock a Party". Combs procurou Elliott para que ela assinasse contrato em sua gravadora, Bad Boy Records. Entretando ela assinou contrato com a Elektra Records em 1996 para criar seu próprio selo, The Goldmind Inc., no qual ela se lançaria como artista solo. Timbaland foi novamente recrutado como parceiro de produção, um papel que ele manteve na maioria dos trabalhos solo de Missy Elliott.

Nenhum comentário: